Download do filme A queda de Berlim, épico soviético de 1949


Nunca lançado no Brasil, A queda de Berlim estreou em 1949, na URSS, mas foi retirado de circulação por Kruschev na década de 1950 em suas campanhas de "desestalinização", por considerar o filme "culto à personalidade" de Stalin.  Ficou perdido durante décadas, até que foi restaurado em 2006.

O arquivo disponibilizado abaixo para download é essa versão restaurada, mas com legendas em português que foram realizadas pelo Centro Cultural Manoel Lisboa, do Brasil.

O filme é importante pois mostra uma visão soviética da guerra, isso é, a visão dos verdadeiros vencedores - e de quem mais sofreu com o conflito. As perdas humanas soviéticas são estimadas em 27 milhões de pessoas, números muito superiores aos de qualquer outro país.

A película também mostra a extrema desconfiança com que a URSS via os chamados "aliados", e que seu auxílio à URSS na guerra não foi tão efetivo quanto poderia ter sido. Isso coloca em questão a atual versão histórica contada pelos países imperialistas de que o "Dia D", por exemplo, foi determinante para a vitória sobre o nazismo. Na verdade, como podemos ver nesta entrevista recente do historiador Geoffrey Roberts, a URSS poderia ter vencido a guerra sozinha.

E uma outra curiosidade apresentada pelo filme nesse sentido é a esperança que Hitler tinha de que a qualquer momento os EUA entrariam em Berlim para ajudar a Alemanha nazista contra os soviéticos. Hitler mostra grande "consciência de classe" ao dizer, por várias vezes, que os imperialistas estavam sendo ingratos a ele, pois a luta do nazismo era a favor dos interesses do grande capital.

A queda de Berlim foi oferecido de presente a Stalin pelo seu aniversário de 70 anos. É importante ter isso em mente para compreender melhor algumas felicitações feitas ao personagem Stalin durante o filme, principalmente na cena final.

Abaixo uma pequena descrição do filme, traduzida e editada do release da IHF:

A queda de Berlim

A queda de Berlim, versão restaurada do épico soviético, dirigido por Mikhail Chiaureli, está agora disponível no Brasil. Por décadas notório, mas raramente visto: a recriação soviética da II Guerra Mundial, num momento de extremo prestígio de Stalin para com o povo soviético e os trabalhadores de todo o mundo.

O próprio Stalin trabalhou no roteiro deste filme, refinando os bastidores da guerra e sua própria participação.

Nada foi poupado em sua produção: foram usados 5 divisões de artilharia e de infantaria, 4 batalhões de tanques, 193 aviões e 45 troféus Panzer alemães, assim como 1,5 milhão de litros de combustível para encenar as batalhas panorâmicas.

A memorável recriação da Batalha de Berlim, alcançando seu clímax na encarniçada batalha sobre o Reichstag, impressionou até mesmo os críticos ocidentais devido ao seu intenso realismo e belo espetáculo.

Igualmente memorável é o retrato de Hitler e seu círculo interno apresentado no filme, cuja insensatez e intrigas acontecem em um ambiente que recria a grandiosidade da Chancelaria do Führer e da claustrofobia de seu bunker com uma intensidade surrealista.

Stalin, Kalinin, Churchill, Roosevelt e Goebbels, entre vários outros líderes, são interpretados por atores incrivelmente semelhantes em sua aparência física, o que reforça o realismo deste épico.

O ator que interpreta Stalin, Mikhail Gelovani, por exemplo, é um georgiano que vinha se especializando em interpretar o grande líder soviético desde 1930, e que ficou famoso pela precisão com que reproduzia seus gestos e seu sotaque georgiano.

Um enredo secundário é o romance entre Aliosha, um metalúrgico stakhanovista que deixa a fábrica para lutar na guerra, e Natasha, uma bela e jovem professora, que é capturada pelos nazistas.

Este filme foi oferecido como um presente a Stalin pelo seu septuagésimo aniversário. Foi visto em seu lançamento inicial por mais de 38 milhões de soviéticos e venceu todos os conceituados prêmios Stalin imagináveis. Sua trilha sonora ficou a cargo do famoso compositor soviético Shostakovich.

A queda de Berlim foi abruptamente retirado de circulação por Kruschev, durante as campanhas de "desestalinização" iniciadas em 1953, após a morte de Stalin. 

Tendo recentemente ganhado os direitos sobre os negativos originais, a International Historical Films oferece este épico há tanto tempo censurado em uma versão digitalmente restaurada, com legendas em inglês. A presente tradução para o português foi realizada pelo Centro Cultural Manoel Lisboa.

Download do filme A queda de Berlim (1949)
(Total: 30 arquivos)





















14 comentários:

  Unknown

9 de agosto de 2013 13:29

Baixei todas as partes, quando extrai o arquivo, apareceu uma mensagem dizendo que estava danificado. O tamanho do arquivo que extrai foi de 2,57GB

Consigo assistir só a parte 1, a parte 2, depois de uns 10 ou 15 min de filme, trava...

Uso o player VLC, considerado um dos melhores para reproduzir videos danificados.

  Glauber Ataide

9 de agosto de 2013 16:52

Outros usuários já baixaram o filme e conseguiram assisti-lo, e não consta estar corrompido. Já tentou baixar outras vezes, para ver se dá o mesmo resultado?

  Unknown

9 de agosto de 2013 20:00

Brother, marquei bobeira, baixei só até a parte 18, não vi que tinha uma segunda página. Vou seguir baixando, obrigado pela ajuda.

  Stefano

30 de setembro de 2013 13:21

assista ao filme !

http://comunidadestalin.org/videos-e-documentarios/444-filme-a-queda-de-berlin-classico-sovietico-de-1949-legendas-em-portugues

  AF Sturt Silva

18 de maio de 2015 04:03

Camaradas, tem uma versão online disponível, com link vindo direto do youtube, porém em um site terceiro. Será que teremos problema com os direitos autorais se postarmos no youtube? Seria interessante postar lá, já que é o site de vídeos massificado.

Esta versão que falo, reproduzi em um de meus blogs: http://tvcomunismo.blogspot.com.br/2015/05/a-queda-de-berlim-filme-sovietico-sobre.html

  Glauber Ataide

18 de maio de 2015 09:51

Sturt, eu já postei o vídeo no youtube uma vez mas eles removeram e disseram que viola direitos autorais. Se fosse na época do camarada Stálin não teria esse problema. Foi só o filme cair nas mãos dos americanos pra virar fonte de lucro.

  Unknown

13 de agosto de 2015 20:53

No link faltam alguns arquivos do RAR: os 22, 28 e 29.

  SHALOM

1 de janeiro de 2016 07:13

Está faltando os arquivos 22,28 e 29, ao descompactar pede esses arquivos, pode por gentileza postar eles pra poder completar o filme, muito obrigado

  SHALOM

1 de janeiro de 2016 07:19

Aqui tambem está faltando os arquivos mencionados isto é o 22,28 e 29, poderia por gentileza postá-los assim poderemos completar o filme obrigado. http://www.4shared.com/folder/n61XklLO/A_queda_de_Berlim.html?detailView=true&sortAsc=false&sortsMode=NAME

  Glauber Ataide

16 de janeiro de 2016 11:42

Infelizmente o 4shared SUMIU com os arquivos da pasta. Foi um erro deles. Terei que recompactar o filme inteiro e subir tudo de novo, pois não tenho mais estes arquivos em meu PC.

  Mega portal de filmes

17 de março de 2016 02:04

A AQUEDA DE BERLIN ON LINE
http://seufilmenarede.blogspot.com.br/2015/12/a-queda-de-berlim-megaclassico.html

  Mega portal de filmes

17 de março de 2016 02:07

Este filme é um retrato fiel a insanidade que aquele povo fazia questão de levar adiante, não sei se por fanatismo cego, ou pela pressão da baioneta..

  Rafael Laurindo

17 de maio de 2016 19:47

Uma alternativa para baixarem e escolher o formato por aqui. https://archive.org/details/AQuedaDeBerlimPTBR1949Xvid

  Unknown

4 de julho de 2017 01:08

Falta a parte 22 do disco 1